Home   Fale Conosco
Carta Aberta
Legislação
Notícias
Dossiê
Comentário Externo
  Cartilha

2. Infra-estrutura

Uma boa faculdade de Medicina tem, obrigatoriamente, de oferecer uma infra-estrutura de qualidade para o aprendizado. Apostar em intenções futuras sempre é um risco. De acordo com o diretor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), dr. Giovanni Guido Cerri, além de salas de aula e uma biblioteca adequada, é fundamental que a escola ofereça laboratórios condizentes com as necessidades do curso e um corpo docente com reais condições de ensinar e transmitir conhecimentos.

“Independentemente do foco hospitalar, também tem de promover treinamento nos níveis primário (postos de saúde, promoção da saúde...), secundário (atendimento de média complexidade hospitalar, em casos de pediatria, obstetrícia, ginecologia...) e terciário (casos de maior complexidade)”, completa dr. Giovanni Cerri.

O treinamento em múltiplos cenários, aliás, também é destacado pelo professor dr. Milton Arruda Martins, professor Titular da Disciplina de Clínica Geral e presidente da Comissão de Graduação da FMUSP, para quem também é fundamental o acesso a laboratórios de ensino básico e de habilidades clínicas, unidades básicas de saúde, ambulatórios gerais e de especialidades, hospitais gerais e universitários.

“O contato com a população em escolas e projetos de pesquisa, por exemplo, também é essencial para o conhecimento da realidade social, para que os futuros médicos não tenham apenas contato com pacientes em hospitais universitários”.

Em suma, existem alguns pré-requisitos indispensáveis, conforme resumem o diretor e a coordenadora do núcleo pedagógico da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, drs. Ernani Geraldo Rolim e Lígia Andrade da Silva Telles Mathias; e o reitor, a coordenadora de curso de Medicina e o pró-reitor de graduação da Universidade Federal de São Paulo, drs. Ulysses Fagundes Neto, Rosana Fiorini Puccini e Edmund Chada Baracat, respectivamente:

• Salas de aulas e recursos institucionais
• Laboratórios equipados para aulas práticas das áreas básicas - anatomia, embriologia, histologia, bioquímica, farmacologia, parasitologia, microbiologia, etc.
• Hospital universitário
• Ambulatórios médicos para um número preestabelecido de atendimentos necessário ao início da prática profissional
• Ambiente de enfermaria com leitos sob a vigilância e assistência de professores
• Unidades para a prática supervisionada de atendimento básico em saúde
• Biblioteca com amplo acesso a jornais, revistas, livros-texto e informações on-line

 
  Índice

> Escolha bem seu curso de Medicina
> A concentração de médicos no Estado
> O primeiro diagnóstico do futuro médico
> Infra-estrutura
> Apoio Diagnóstico
> Corpo Docente
> Grade curricular
> Problemas freqüentes
> Notas do Provão
> O que pensam as entidades médicas
> Agradecimentos
> Colaboradores
© 2004 proteja-se.com.br- Todos os direitos reservados [ Webmaster ] [ Política de Privacidade ] [ Créditos ]